14/01/2012

...

"Sou talvez a visão que alguém sonhou, 
Alguém que veio ao mundo pra me ver 
E que nunca na vida me encontrou!"

Do poema "Eu" de Florbela Espanca

3 verbalizaram comigo:

Alvaro Vianna disse...

Desperdício.

Beijo

Claudia Goulart disse...

O Alvaro tem razão, total desperdício.
E pensar que isso acontece mais vezes do que gostaríamos...
bjs

Taís disse...

É um bonito e triste poema dela, como outros. Desde que o vi na escola - e lá se vai muito tempo - nunca esqueci esse trecho...
bjos